5.
CUIDADO
INTEGRAL

Princípio

Estruturar as ações e serviços voltados para o cuidado integral da pessoa com câncer com base em critérios de necessidade e diretrizes baseadas em evidências científicas. Fazem parte do cuidado integral: a prevenção, a detecção precoce, o diagnóstico, o tratamento e os cuidados paliativos, que devem ser oferecidos de forma oportuna, permitindo a continuidade do cuidado.

Diretrizes

  • Tratamento oportuno e seguro dos pacientes diagnosticados com câncer e lesões precursoras, de forma mais próxima possível ao domicílio da pessoa;
  • Atendimento multiprofissional a todos os usuários com câncer, com o cuidado compatível a cada nível de atenção e evolução da doença;
  • Realização de tratamento dos casos raros ou muito raros que exijam alto nível de especialização em estabelecimentos de saúde de referência nacional;
  • Oferta de reabilitação e de cuidado paliativo para os casos que os exijam;

Normas relacionadas a esta diretriz